quarta-feira, 2 de setembro de 2009

Moção de apoio aos estudantes da UFF

Reproduzimos abaixo moção de apoio da Assembléia Geral dos estudantes da Unesp de Rio Claro aos estudantes da UFF

Acreditando ser de extrema importância a denúncia de casos de assédio sexual e estupro que vêm acontecendo cada vez com mais frequência em nossas universidades, os estudantes da Unesp, campus Rio Claro, em Assembléia Geral dos Estudantes e na Assembléia dos Estudantes de Geografia, vêm por meio desta manifestar indignação pelos casos acontecidos na Universidade Federal Fluminense (UFF), campus Rio das Ostras no final do semestre passado.
Companheiras e companheiros da UFF se manifestaram contrários aos casos de estupro que aconteceram na cidade por um homem que já tinha cometido 13 estupros, e naquela época, coagiu e estuprou duas meninas ingressantes na unidade. O caso entretanto foi abafado por autoridades da universidade e tiveram do delegado a informação que era um tipo de ocorrência comum naquele lugar e nada poderia fazer. As estudantes em contrapartida têm que agora andar com facões nas bolsas para se protegerem de um criminoso que, sabendo da condição de impunidade, sente-se livre para repetir quantas vezes ele quiser tal crime, enquanto as estudantes têm que andar em grupos, evitando sair de casa a noite e ouvir o silêncio dos professores em uma unidade com 80% dos estudantes do sexo feminino.

Nós, estudantes da Unesp campus Rio Claro clamamos por justiça, exigimos que o silêncio das autoridades seja rompido e o criminoso desmascarado e punido por tais atrocidades. Contra a banalização da violência contra a mulher e contra o estado de sítio normatizado na região, gritamos juntos com as companheiras e companheiros da UFF para punir e escancarar a hipocrisia e a mediocridade das autoridades tanto acadêmicas quanto judiciais.

Assembléia Geral dos Estudantes da Unesp, Campus Rio Claro (realizada em 26/08/09)
Assembléia dos Estudantes de Geografia (realizada em 25/08/09)

Solidariedade
É revoltante que essas ações encontrem refúgio na omissão dos administradores da UFF. Tomei a liberdade de reproduzir o post de vocês no meu Blog http://feminismosempre.wordpress.com), mas citando a fonte e colcando um link para o post original. Celina

2 comentários:

Celina disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Celina disse...

É revoltante que essas ações encontrem refúgio na omissão dos administradores da UFF.

Tomei a liberdade de reproduzir o post de vocês no meu Blog (http://feminismosempre.wordpress.com), mas citando a fonte e colcando um link para o post original.